Mediação de Conflitos: um espaço de reconhecimento de si e do Outro

Que os conflitos fazem parte das relações humanas, isso não podemos refutar. Contudo, as condições e/ou ausência do trabalho, as questões subjetivas individuais e coletivas, a massificação, dentre outros fatores, têm reconfigurado ou acentuado os conflitos no que concerne à existência e às relações sociais, desaguando em uma conjuntura – favorecida pela lógica neoliberal – de ter para poder ser, complexa e favorável às situações de violência e competição. O conflito, longe de ser um espaço aberto para diálogos, fecha-se em si mesmo. Leia mais

Mediação de Conflitos: é possível politizar as discussões? – Fragmentos

A cada período, surgem as grandes ondas, os modismos em torno de temas. A vitrine do momento é a mediação de conflitos, que nos últimos três a quatro anos deu um boom, principalmente, com uma grande quantidade de escritórios jurídicos universitários. As novas oportunidades apresentadas de ações de acesso à justiça nas universidades, nas ONGs e até mesmo nos tribunais têm grande importância, sobretudo para camadas mais pobres sem condições de fazer exigência de direitos. Leia mais